Entenda a logomarca da nossa clínica.

Por Fernando  Davino Alves

Essa logomarca foi desenvolvida ao longo de minha trajetória dentro dos estudos e vivências com a Medicina Tradicional Chinesa. Foi uma junção de conhecimentos filosóficos, estudos acadêmicos e vivência na China. A idéia original da logomarca foi criada entre 2001 e 2004, quando iniciei meus atendimentos de “acupuntura e massoterapia clínica” em Belo Horizonte e precisava fazer um cartão de visitas, mas naquele início eu só utilizava acupuntura-moxabustão e a massagem, então achei pertinente utilizar uma logomarca mais simples e mais ligada a acupuntura-moxabustão, deixando para amadurecer melhor a idéia da logomarca atual para um futuro próximo, quando eu fosse trabalhar com a Medicina Tradicional Chinesa em uma abrangência maior. Sua digitalização e impressão só veio a ocorrer em 2017, quando retornei ao Brasil, após 10 anos na China, durante a inauguração de minha clínica de Medicina Tradicional Chinesa em Ouro Preto – MG.

Segue abaixo a explicação detalhada de parte a parte de nossa logomarca.

Parte superior: símbolo do tai ji (太极= tài jí) ou energia suprema, rodeado pelo ba gua (八卦= bā guà) ou 8 símbolos adivinhatórios (8 trigramas), que indicam a base filosófica, como o Sol que ilumina para orientar o caminho da MTC.

Topo do Brasão: vendo com cuidado a parte superior do brasão podemos fazer uma analogia a um telhado, dando a idéia de um lugar, uma casa

Elementos do brasão: 3 elementos usados na prescrição de medicamentos da MTC: animal (representado pelo dragão), vegetal (representado pelos ramos) e mineral (representado pela agulha). O dragão chinês, dá um toque especial, sendo um animal mitológico, representando não só a China, mas também fazendo referência ao Dr. Fernando Davino, nascido em 1976 ano do dragão segundo o horóscopo chinês. Se atentarmos o formato do dragão e da agulha, juntos fazem alusão a letra “F” de Fernando. A agulha foi usada no lugar do cajado de Eusclápio, assim como o dragão foi usado no lugar da serpente, símbolos da Medicina Moderna Ocidental: cajado e serpente, fazendo assim uma alusão da união do tradicional (MTC) e o moderno (MMO). 

Laterais do brasão:  são o alicerce da casa e representam os braços do terapeuta com as mãos emanando energia.

Arabesco ou rococó lateral: dão a ideia da energia fluindo, ou da fumaça da moxabustão.

Cores: referência aos 5 elementos. 1) vermelho-fogo-coração, 2) amarelo-terra-baço, 3) preto-metal-pulmão, 4) branco-água-rins, 5) verde-madeira-fígado.)

Facebooktwitterlinkedinmail

Comentário (2)

  • Andressa Lima| 23 de fevereiro de 2020

    Oi aqui é a Andressa Lima, eu gostei muito do seu artigo, vou passar a acompanhar seu blog seu conteúdo vem me ajudando bastante, muito obrigada.

    • admin| 28 de maio de 2020

      Ei Andressa, que bom que gostou do nosso artigo. Fique a vontade para nos acompanhar! Em breve teremos novas publicações, fique de olho!

  • Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *